SaúdeSociedade

Covid-19: Pandemia cancelou 96 mil cirurgias até setembro

Em nove meses, os hospitais públicos fizeram menos 96 mil cirurgias programadas em comparação ao mesmo período do ano anterior. Mas de acordo com projeções do Ministério da Saúde, este número pode chegar a mais de 150 mil cirurgias canceladas.

Segundo dados do Portal do Serviço Nacional de Saúde (SNS), de janeiro a setembro deste ano, os hospitais públicos fizeram menos 96 mil cirurgias programadas face ao mesmo período do ano anterior, noticia esta quinta-feira o Jornal de Notícias.

O número de cirurgias canceladas pode vir a aumentar, já que o Ministério da Saúde determinou que os hospitais do SNS podem suspender durante o mês de novembro a atividade assistencial não urgente “que, pela sua natureza ou prioridade clínica, não implique risco de vida para os utentes, limitação do seu prognóstico e/ou limitação de acesso a tratamentos periódicos ou de vigilância”.

A juntar estes dados, o Ministério da Saúde prevê terminar com menos 12,5% de consultas médicas realizadas nos hospitais em relação ao ano passado, assim como menos 21,6% de cirurgias. Quer isto dizer que serão menos um milhão e meio de consultas e menos 152 mil operações em relação a 2019, escreve o jornal Público esta quinta-feira, que se baseia nos valores que fazem parte das projeções apresentadas na nota explicativa do Orçamento de Estado 2021 para a saúde.

Quanto aos centros de saúde, de acordo com o documento, a estimativa do Governo é a de recuperação com uma projeção de 31,6 milhões de consultas realizadas.

Fontes: MadreMedia e Jornal de Notícias

Mostrar mais

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Back to top button
Close
Close

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker