Benavente

Samora Correia: faleceu a mãe do camarada Nelson Silva Lopes

É muito difícil escrever um texto, por muito curto que seja, na altura em que morre alguém que nos é querido. E quando se trata da D. Patronila Lopes, mãe do jornalista e camarada Nelson Silva Lopes pior. Mas com a prosa do jornalista Mário Gonçalves decidi avançar.

MORREU UMA SANTA
Poderia hoje ir à procura de uma mensagem de encher o coração e publicar. Não.

Ao longo de cinco décadas, já lidei com milhares de pessoas. E, como jornalista, entrevistei muitas centenas. Já tive de perguntar a um homicida por que razão matou a mulher e o seu filho. Já entrevistei o sapateiro, o artesão e o doutor. Já entrevistei o Guterres, o Cavaco, o Nobel Ramos Horta, o José Saramago, o Pepetela, o meu amigo Mia Couto, o presidente Antonio Jose Ganhao…

Nunca conheci ninguém como esta SENHORA. Vou revelar-vos um segredo. A última vez que estive com a Dona Patornila Lopes foi no tribunal. Eramos ambos testemunhas. Fomos à barra para tentar coadjuvar o Nelson Lopes num processo judicial.

Qual não foi o espanto para mim, para todos e para a juíza e por isso mereceu um aplauso da magistrada quando a Dona Patornila que estava ali para defender o filho, elogiou os envolvidos na contenda como se fossem da sua família. Era assim para toda a gente.

É muito triste quando partem os bons e o mundo assiste de braços cruzados ao lixo que contamina a sociedade.
ADEUS DONA PATORNILA
Mário Gonçalves – Jornalista

CAMARADA NELSON MUITA FORÇA E CORAGEM NESTA HORA

Companheiro Nelson Silva Lopes, como já fiz questão de escrever não é nada fácil para mim escrever sobre o falecimento da tua mãe. Sei por experiência própria a dor imensa que é perder uma mãe ou pai. E também imagino o sofrimento que vai dentro de ti nesta hora.

Mas tu és uma pessoa com um coração humilde mas forte. És um resistente. E tenho consciência que tu vais conseguir ultrapassar este “Tsunami” e vai reerguer-te com serenidade. Coragem Camarada e muita força nestas horas difíceis.

Coragem e muita força nesta hora de grande sofrimento Camarada Nelson Silva Lopes
Foto: D.R

A tua mãe partiu em PAZ. Tenho a certeza disso. E a equipa médica que cuidou dela, fez tudo o que estava ao seu alcance para a salvar. Não conseguiram.

A vida meu caro AMIGO é feita de partidas e chegadas. Chegou a hora da tua “Rainha” (como a apelidavas!) partir.

Coragem e muita Força para suportares a imensa dor que te invade o coração neste momento.

José Peixe – Jornalista e Editor do “RibatejoNews” 

ÚLTIMO ADEUS À MÃE PATORNILA LOPES SERÁ NA QUARTA-FEIRA 8 DE JANEIRO ÀS 12H00 EM SAMORA
Por vontade expressa da mãe, o seu velório será na Capela da Misericórdia de Samora Correia (junto ao Palácio do Infantado) a partir das 18h00 desta terça-feira, 7 de janeiro.

As exéquias serão dirigidas pelo reverendo Padre Heliodoro Nuno na quarta-feira às 12h00 na Misericórdia e seguiremos depois para o cemitério da nossa terra de sempre.

Agradecemos a todos as manifestações de carinho e pesar.
A Mãe está em paz e fará uma viagem tranquila para a eternidade com o seu sorriso único.

Nelson Silva Lopes

Mostrar mais

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Back to top button
Close
Close