Benavente

Benavente: Presidente do Município acabou com o festival do arroz carolino

Confrade Carlos Coutinho acabou com o Festival do “Arroz Carolino” no concelho de Benavente.

Foi com profundo pesar que o Senhor Presidente da Câmara Municipal de Benavente anunciou esta tarde a morte do Festival do Arroz Carolino no concelho.

Após três edições onde gastou mais de 400 mil euros em três fins de semana de boa mesa e boa música e depois de anunciar que o festival já tinha ganho um lugar na programação e na estratégia para o Turismo, o confrade Coutinho colocou a colher de pau no saco.

Carlos Coutinho é um dos confrades da Confraria do Arroz Carolino que viu a sociedade Orivárzea, detida pelos maiores produtores de arroz da região (incluindo a Companhaia das Lezírias), retirar-lhe a confiança por se sentir traída no uso abusivo da marca.

Foi mais um redondo fracasso do Presidente Carlos Coutinho que nos custou os olhos da cara, como os 100 mil euros gastos em bicicletas que estão há três anos num armazém e as indemnizações pagas e a pagar por erros da CMB.

No mínimo, o Senhor Presidente deve um pedido de desculpas aos munícipes e contribuintes deste concelho.

Duvido que o faça porque não tem humildade nem coragem para assumir os erros. E a oposição, com raras excepções, não tem tomates para fazer o que lhe compete em nome do interesse público.

Texto e Foto: N.S.L/D.R

Mostrar mais

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Back to top button
Close
Close