Santarém

Santarém:Tim Bernardes e Cartaxo Sessions encerram programação de Verão

A programação cultural de Verão em Santarém despede-se este fim de semana com um festival de música alternativa e a atuação do compositor brasileiro Tim Bernardes.

Inserido no projeto municipal Santarém Cultura, o In. Santarém 2019 – Festival de Artes e Cultura animou o Verão na cidade desde 20 de Junho, culminando com um concerto de Tim Bernardes, na sexta-feira à noite no Teatro Sá da Bandeira, e mais uma edição das Cartaxo Sessions In STR: Portas do Sol Sessions, que tem como cabeça de cartaz os alemães Electric Moon.

Tim Bernardes, líder da banda brasileira O Terno e que lançou, em Outubro de 2017, o seu primeiro disco a solo, “Recomeçar”, dá em Santarém um dos cinco concertos deste regresso a Portugal, que começa quinta-feira em Lisboa, no Centro Cultural de Belém, e o levará ainda ao Teatro Aveirense, em Aveiro (dia 22), à Casa da Música, no Porto (23), e ao Theatro Circo, em Braga (25).

Elogiado por Caetano Veloso, o artista trabalhou já com nomes como Tom Zé ou David Byrne, tendo lançado quatro discos com a sua banda, todos com composições da sua autoria, e visto o seu disco ser nomeado para o Grammy Latino de 2018 como Melhor Álbum de Música Alternativa em Língua Portuguesa, salienta uma nota da Câmara de Santarém.

Na noite de sábado, a partir das 20:00, o auditório do Jardim Portas do Sol recebe a primeira edição da Cartaxo Sessions In STR: Portas do Sol Sessions, com a participação de quatro bandas, os Electric Moon, apresentados como “principal atração”, os portuenses 10.000 Russos e Talea Jacta e o Conjunto!Evite, banda formada em Rio Maior, que integra dois filhos de Tim, cantor e baixista dos Xutos & Pontapés, afirma a nota.

Além da música, no local vai estar um “pequeno mercado com bancas de vendas de discos, trabalhos de ilustradores ou artigos das bandas participantes e o merchandising da própria organização”, sendo as entradas gratuitas, acrescenta.

Durante a manhã, o jardim vai ser palco de animação desportiva e sessões de “Yoga para todos”.
Ainda no âmbito do programa cultural de verão, continua patente, até dia 30, na sede da Sociedade Recreativa Operária, a exposição de pintura “paisagens sentimentais”, de Francisco Pereira, um dos participantes no II PICTORIN, Encontro Internacional de Artistas Plásticos, que decorreu no início do mês em Santarém.

Em lojas devolutas do centro histórico podem ainda ser vistas as exposições da segunda fase do projeto “Galerias com Arte”, com o n.º 60 da Rua Serpa Pinto a receber “Astrochimp92”, com obras de João Maria Ferreira, e o n.º 90 “The Zookeeper – O Tratador do ZOO”, com trabalhos de Rafael Pessoa Antunes.

No Palácio Landal está igualmente patente, até sábado, a exposição “Cartografia Sentimental, uma nova interpretação de imagens antigas de Santarém”, podendo ser visitada a instalação “Quercus faginea Lam.”, de Carla Cabanas, que retrata os habitantes locais e as suas atividades quotidianas recorrendo a folhas da árvore Quercus faginea/Carvalho-português, espécie nativa da região.

Em algumas travessas do centro histórico de Santarém, encontram-se expostas várias imagens com comerciantes locais, no âmbito do projeto “20 Lojas, 20 Fotografias”, de Augusto Brázio e Nelson D´Aires, e na rua Serpa Pinto e na praça Visconde Serra do Pilar há 50 fotografias nas varandas mostrando as “portas e janelas” da cidade, da autoria de Paulo Semblante Mendes e Nelson Monteiro Magalhães.

Ainda no âmbito do In.Santarém 2019, na fachada principal da antiga Escola Prática de Cavalaria João Samina recriou, numa pintura mural, a figura do “Capitão de Abril” Fernando Salgueiro Maia.

Fonte: MadreMedia

Mostrar mais

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Back to top button
Close
Close