Salvaterra de Magos

Denúncia: Salvaterra de Magos – atentado ambiental inqualificável

O “RibatejoNews” recebeu um email de um leitor de Marinhais a denunciar o caos em que se encontra a lixeira que existe em Glória do Ribatejo e Marinhais. Agradecemos o envio de fotos e das questões que passamos a transcrever, prometendo fazer uma reportagem sobre esta matéria, ouvindo os autarcas directamente envolvidos.

Uma imagem que dispensa comentários
Foto: D.R

Eis as questões levantadas pelo leitor do “RibatejoNews” que pediu para não ser identificado:

– Que educação dar às futuras gerações com este triste exemplo de lixeira de resíduos que constitui um atentado ambiental inqualificável?

– O que têm a dizer e qual o contributo positivo de resolução e melhoramento desta lixeira por parte dos presidentes das Juntas de Freguesia de Marinhais e Glória do Ribatejo?

– Que tipo de licenciamento tem a Câmara Municipal de Salvaterra de Magos da Agência Portuguesa do Ambiente (APA) para permitir e legalizar esta monstruosidade ambiental?

– Existe a noção da quantidade de dinheiro público que vai ser necessário para um dia organizar e limpar esta lixeira que envergonha todos os habitantes de Marinhais e Glória do Ribatejo?

– Quem é o principal responsável por esta situação?

– Como é possível os licenciamentos aos empreiteiros na Câmara de Salvaterra de Magos quando se trata de demolições em que é necessário apresentar o RCD (Resíduos de Construção e Demolição) obrigatório por lei, como por exemplo em algumas obras privadas?

– Em Salvaterra de Magos os empreiteiros não são obrigados a fazer a triagem dos materiais?  As imagens que enviamos provam que está tudo misturado.

– Como está identificado este ponto no plano intervenção florestal contra incêndios na Proteção Civil de Salvaterra de Magos, sendo os montes de resíduos da floresta a maior carga de combustíveis em todo o concelho?

Mostrar mais

Related Articles

Comentários

  1. Quando irá aparecer um empresário, disposto a montar uma central para britar destes resíduos da construção civil? O material obtido, tem diversas aplicações. como: arranjos em espaços exteriores, compactação de estradas a pavimentar, etc.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Back to top button
Close
Close